McDia Feliz 2020: Baianos podem ajudar o Martagão no transplante de medula óssea

A renda obtida com a venda de sanduíches Big Mac em todo o país será revertida para ajudar diversas instituições na luta contra o câncer infantojuvenil

No próximo 21 de novembro, os baianos poderão ajudar no serviço de transplante de medula óssea do hospital que, há 55 anos, cuida de crianças de todo o estado em 26 especialidades médicas. É que o Martagão Gesteira é uma das instituições beneficiadas em todo o país com o McDia Feliz 2020, a maior campanha para arrecadação de fundos em prol de crianças e adolescentes com câncer no Brasil. Nesta edição, a influenciadora digital Lore Improta será, pela segunda vez, a madrinha da campanha do Martagão.

“O McDia Feliz é uma das principais campanhas de mobilização do Hospital e, como sempre, contamos com a força e o apoio da sociedade baiana ao Martagão neste momento tão difícil. Com a compra do ticket do McDia, o doador estará ajudando projetos que beneficiam o atendimento das crianças que procuram o hospital todos os anos para a realização de tratamento oncológico. As pessoas podem comprar antecipadamente ou, no dia 21 de novembro, poderão comprar diretamente nos restaurantes do McDonald’s em Salvador e em Feira de Santana”, ressalta o presidente do Conselho da Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, Maurício Martins.

O tíquete antecipado custa R$ 17 e a venda será realizada na lojinha virtual do Hospital (https://lojinha.martagaogesteira.com.br) e em sua sede, assim como por meio dos voluntários do Martagão. Ele pode ser trocado por um Big Mac no dia 21/11. É possível comprar, também, o voucher virtual, novidade nesta campanha, por meio de e-commerce do Instituto Ronald McDonald (http://www.giftty.com.br/mcdiafeliz/mcd/HMG).

A renda obtida com a venda de sanduíches Big Mac em todo o país será revertida para ajudar diversas instituições na luta contra o câncer infantojuvenil. No caso do Martagão, cuja campanha foi batizada de “Toda hora é hora de ajudar”, a arrecadação será aplicada no serviço de transplante de medula óssea. É a quinta vez que o Hospital participa do McDia Feliz.

“Crianças e jovens em todo o país contam com a verba do McDia Feliz todos os anos, seja para dar continuidade a seus tratamentos ou atingir seu potencial por meio da educação. Graças à solidariedade e sensibilidade dos brasileiros podemos contribuir com essas duas grandes causas. Acreditamos que com as adaptações que programamos e com o uso da inovação teremos mais uma edição de sucesso”, comenta Paulo Camargo, presidente da divisão Brasil da Arcos Dorados, empresa responsável pela operação do McDonald’s na América Latina e Caribe.

Para o funcionamento de seus restaurantes, a rede criou a campanha McProtegidos e implementou um protocolo especial que inclui o uso de máscaras, luvas e viseiras de proteção pelos funcionários, instalação de barreiras acrílicas nos pontos de atendimento, demarcação de distanciamento social, reforço na higienização e sanitização de equipamentos e superfícies, entre outras medidas.